13-anuario-comunicacion

Dircom apresenta o Anuário de Comunicação 2019 com as cinco tendências que marcarão o futuro da comunicação

XXVI ASSEMBLEIA GERAL ORDINÁRIA DE DIRCOM

  • A Ministra da Educação, Isabel Celaá, encerra a XXVI Assembleia Geral da Dircom.
  • Isabel Celaá destacou a importância da educação, da comunicação social e dos valores para nos convertermos em uma sociedade responsável.
  • De acordo com o Anuário de Comunicação, 64% dos consumidores irão escolher, mudar, evitar ou boicotar uma marca com base em questões políticas ou sociais.
  • Mais de 350 profissionais participaram da apresentação do Anuário de Comunicação, que também foi transmitida pelo Facebook Live.

Madri, 03 de julho de 2019. A Associação de Diretores de Comunicação, Dircom, realizou nesta quarta-feira, 3 de julho, na CaixaForum Madrid, diante de mais de 350 participantes, sua XXVI Assembleia Geral, quando foi apresentado o Anuário de Comunicação 2019.

Anuario_Dircom_2019_Auditorio

Isabel Celaá, Ministra da Educação e Formação Profissional e porta-voz do Governo, participou durante a Assembleia da Dircom, indicando que “toda nossa cultura é comunicação, de Altamira às tatuagens das tribos urbanas, mas a comunicação mais importante é guiada pela educação”.

Celaá, por sua vez, também se referiu à educação como a ferramenta-chave para a igualdade de oportunidades e como “o petróleo dos nossos dias, um fator econômico de primeira ordem”.

A abertura da jornada ficou a cargo de Miguel López-Quesada, presidente da Dircom, que lembrou que “os dircoms temos em nossas mãos a reputação e a coerência dos valores de nossas organizações”, enfatizando o desafio que é buscar alinhar a estratégia de negócios para garantir o sucesso.

López-Quesada, juntamente com o Diretor Geral da Fundação Bancária ‘la Caixa’, Jaume Giró, tiveram uma interessante conversa sobre a transformação da sociedade e o futuro da profissão do comunicador.

Giró assegurou que “a educação é a pedra angular da estrutura de um país e o novo paradigma passa por preparar os jovens em quatro competências chave: pensamento crítico, criatividade, comunicação e trabalho em equipe”.

Da mesma forma, o diretor da Fundação Bancária “la Caixa” destacou o grande trabalho dos meios de comunicação, já que “os dircoms precisam deles para buscar a veracidade e objetividade juntos. Temos que apostar na transparência e nobreza no jogo, o jornalismo nunca deve morrer”.

Por outro lado, López-Quesada adiantou que “o dircom é uma profissão que está sendo rejuvenescida, e os profissionais que se incorporam agora terão que aprender muito mais rápido do que nós, que levamos mais tempo”.

A jornada transcorreu, também, com a participação de duas apresentações chave. Mario Páez, CFO do Campofrío Food Group, detalhou como sua empresa se tornou referência de uma marca com propósito: “Nosso propósito é gerar valor nas pessoas, não apenas entregar um produto, mas também um valor agregado, como uma emoção ou compartilhar momentos interessantes”.

A intervenção de Luis Pardo, CEO da SAGE Iberia, tratou da importância das pessoas, e afirmou que “são as pessoas com o seu conhecimento, liderança e tomada de decisões que têm o verdadeiro poder de transformar digitalmente a cultura corporativa”.

Por sua parte, José Fernández-Álava de la Vega, diretor geral da Dircom, apresentou as cinco tendências que estão incluídas na 23ª edição da publicação de referência para comunicadores.

Os temas que marcarão o futuro da comunicação são Ética e Verdade, Blockchain e Comunicação, Comunicação e Pessoas, Marcas com Propósito e Mensuração. Além disso, o Anuário de Comunicação inclui uma tendência estrutural que indica as onze competências globais que um dircom deve ter.

O evento, que teve um alto nível de representação institucional, como CEOs, autoridades políticas e empresariais, foi conduzido pela jornalista Ana Samboal e teve tradução simultânea para a linguagem de sinais da Ilunion. Da mesma forma, uma cópia do Anuário de Comunicação Dircom 2019, patrocinado pela Kantar e Mediaset, foi entregue a todos os participantes.

Miguel L¢pez-Quesada, Isabel Cela†, Jaume Gir¢ y Eduardo BartolomÇ

Notícias em vídeo: https://www.youtube.com/watch?v=09gOBnInV9U&list=PLy2iNviDlJVB-3eS5O4hwTg3E2do0pf7O&index=1

Entrevista com Mario Páez: https://www.youtube.com/watch?v=K7sXBuJh4Ug&list=PLy2iNviDlJVB-3eS5O4hwTg3E2do0pf7O&index=2

Entrevista com Luis Pardo: https://www.youtube.com/watch?v=ek2VQ60IcRM&list=PLy2iNviDlJVB-3eS5O4hwTg3E2do0pf7O&index=3

Apresentação da ministra: https://www.youtube.com/watch?v=7sRarKGl4cQ&list=PLy2iNviDlJVB-3eS5O4hwTg3E2do0pf7O&index=4

O que é a Dircom

A Dircom é a associação profissional que reúne diretores e profissionais de comunicação de empresas, instituições e consultores na Espanha.

Fundada em 1992, sua visão é dar destaque à função da comunicação e do diretor de comunicação nas organizações para que tal competência e seus responsáveis sejam considerados como uma área e uma diretoria estratégicas.

Atualmente, possui mais de 1.000 associados e 8 delegações em Aragão, Canárias, Castela e Leão, Catalunha, Galícia, Comunidade Valenciana e Região de Múrcia, zona Norte e Andaluzia.

 

Para mais informações você pode entrar em contato:

Departamento de comunicação da Dircom.

Telefone: +34 917021377 ramal 4 | comunicacion@dircom.org

Este sitio web utiliza cookies propias y de terceros, para recopilar información con la finalidad de mejorar nuestros servicios, para mostrarle publicidad relacionada con sus preferencias, así como analizar sus hábitos de navegación. Si continua navegando, supone la aceptación de la instalación de las mismas. El usuario tiene la posibilidad de configurar su navegador pudiendo si así lo de sea, impedir que sean instaladas en su disco duro, aunque deberá tener en cuenta que dicha acción podrá ocasionar dificultades de navegación de la página web.

ACEPTAR
Aviso de cookies